Julho 11, 2017 02:30 PM

Faça-se com que esta campanha autárquica seja, pelo menos, objeto de discussão do que verdadeiramente interessa discutir. Tentando contribuir para esse desiderato, sem depreciação de muitos outros temas que devem constar das diferentes perspetivas politicas, lanço algumas das inquietações temáticas que a campanha do BE, na qual estou inteiramente empenhado, levanta de momento. 

Junho 20, 2017 02:51 PM

É por isso tempo de vir para a rua, de dizer convictamente NÃO à mentira e defender Barcelos.

Junho 5, 2017 05:24 PM

Como só acredito na contestação quando ela é genuína e envolve as pessoas, espero que os cidadãos deem uma resposta à altura com uma enérgica refutação capaz de mostrar a força de um povo que não verga à dominância política nem ao despotismo financeiro.   

Abril 6, 2017 02:35 PM

Importa abrir uma discussão capaz de produzir o sentido de um novo ciclo autárquico assente no princípio do direito à cidade, entenda-se por local de ocupação humana, como espaço público de fruição e participação, capaz de gerar o orgulho de pertença e o sentimento de presença a todos os habitantes. 

Março 10, 2017 03:23 PM

Os cidadãos têm o direito de conhecer e o dever de fazerem opções, assumindo responsabilidade pelas escolhas e reivindicação pelo cumprimento dos compromissos. Não se podem resignar ao fatalismo do inevitável nem ao conformismo do tem que ser. A política autárquica só faz sentido se for para servir o interesse coletivo dos munícipes. 

Fevereiro 9, 2017 04:17 PM

A Câmara está em agonia progressiva até à funesta insolvência – mais uma vez condenada no processo da água; está desorientada, sem reação e sem autoridade de interposição – o rejeitado traçado da linha de muito alta tensão avança; está tolhida e sem capacidade de atração – cada vez o concelho é mais último no comparável quadrilátero urbano do distrito.