Share |

Bloco reúne com sindicatos de enfermagem

Na manhã de segunda feira, dia 5 de julho, o deputado e a deputada eleitos pelo círculo de Braga, José Maria Cardoso e Alexandra Vieira, reuniram com cinco sindicatos de enfermagem - SITEU (Sindicato Independente de Todos os Enfermeiros Unidos), SINDEPOR (Sindicato Democrático dos Enfermeiros de Portugal), SEP (Sindicato dos Enfermeiros Portugueses), SE (Sindicato dos Enfermeiros), ASPE (Associação Sindical Portuguesa dos Enfermeiros) - e enfermeiros e enfermeiras do ACES Cávado I.

Das reinvindicações dos enfermeiros a que foi mais tocada foi a questão da progressão das carreiras. Foram relatados casos de profissionais com 20 anos de serviço que continuam no escalão mais baixo da tabela salarial, situação que afeta vários profissionais de saúde.

A questão da avaliação do serviço, essencial para a progressão da carreira, foi outro dos pontos abordados na reunião. Duranto o biénio 2017-2018 não foram efetuadas as avaliações, sem terem sidos apresentados motivos pela ARS Norte, deixando centenas de profissionais impossibilitados de progredir na carreira e, consequentemente, auferirem o vencimento justo. No que toca à avaliação do biénio 2019-2020 foi relatado que os objectivos não mudaram apesar da situação pandémica que alterou profundamente o funcionamento dos hospitais e centros de saúde, havendo o receio de que os profissionais de saúde sejam afetados negativamente por esta não alteração.

A deputada Alexandra Vieira e o deputado José Maria Cardoso mostraram-se solidários com as reinvindicações dos e das trabalhadoras, algo em consonancia com o Projeto de Lei N.º 403/XIV/1.ª, apresentado pelo Bloco de Esquerda com o objectivo de alterar o regime da carreira especial de enfermagem, de forma a garantir posicionamentos remuneratórios e progressões de carreiras mais justos e condizentes com o reconhecimento que os profissionais de saúde merecem.  O grupo parlametar irá agora endereçar uma pergunta ao governo relativamente a estas reinvindicações.